Destaque, Geral

DELEGACIA FISCAL DE GURUPI APREENDE MAIS DE 700 MIL REAIS EM MERCADORIAS IRREGULARES

FOTO-CAMINHAO-GURUPIUma operação especial de fiscalização coordenada pela  Delegacia Regional de Gurupi, ocasionou em uma apreensão de 20 toneladas de sucata de cobre no valor de 760.800,00 reais, nesta terça feira, 17 de agosto de 2021.

As mercadorias estavam sendo transportadas em um caminhão baú com origem da cidade de Palmas, Tocantins,  destinadas ao município de Betim, Estado de Minas Gerais. O caminhão estava sendo monitorado e foi abordado no Posto da Policia Rodoviária de Gurupi onde iniciou se todo o trabalho investigativo do fisco estadual identificando o ilícito fiscal.

FOTO-CAMINHAO-GURUPI-SUCATA-NO-CAMINHAOO motivo da apreensão foi o transporte de mercadorias com documento fiscal inidôneo, ou seja, a Nota Fiscal Eletrônica discriminava um produto (sucata de alumínio), mas as mercadorias efetivamente encontradas no caminhão tratava se de outro (sucata de cobre).

A apreensão foi efetuada pelos Auditores Fiscais da Receita Estadual, mas teve a participação da Policia Militar do Estado do Tocantins e Policia Rodoviária Federal que foram de suma importância para a concretização da ação de fiscalização realizada.

Participaram da operação especial os seguintes servidores do fisco estadual:

Auditor Fiscal Marcos Antonio Maciel – Delegado Fiscal

Auditor Fiscal Moisés José de Barros – Supervisor de Fiscalização

Auditor Fiscal Antonio Luiz Alves – Gerente de Fiscalização

Auditores Fiscais de Plantão do Comando de Fiscalização Volante: Roberto Barros Coelho, José Mardonio Bezerra Feitosa e Elias Monteiro.

FOTO-CAMINHAO-GURUPI-VIATURA-2Em que pese as ações fiscais executadas pelos Auditores Fiscais da Receita Estadual nas unidades de fronteira e no controle do trânsito de mercadorias nas operações de entrada, saída e em circulação por todo o  Estado nos rigores da legislação fiscal, estes profissionais trabalham em prol do crescimento sustentável do Tocantins no combate a sonegação fiscal, fraudes e outros crimes contra a ordem Tributária, fazendo justiça social e oportunizando uma concorrência leal, autuando os maus contribuintes que são uma pequena parcela que insistem em tentar burlar o fisco.

Essas atividades de fiscalização são rotineiras e realizadas por Auditores Fiscais diuturnamente de plantão nas unidades fiscais espalhadas em todo o Estado. Este trabalho de controle do trânsito de mercadorias é de suma importância para garantia e crescimento da receita, refletindo no cumprimento mensal das metas de arrecadação, colocando o Estado do Tocantins nos últimos anos dentre todas unidades da federação numa posição privilegiada de crescimento na economia, tudo isso fruto do trabalho, profissionalismo e dedicação da categoria fiscal tocantinense que prestam com excelência esse serviço que é essencial ao Tocantins.

No entanto, o Delegado Regional, Marcos Maciel informa: “Os Auditores estão fazendo sua parte e cumprindo com rigor sua função, porém, as Delegacias Fiscais e as Agências de Atendimento estão a disposição dos contribuintes para orientações e esclarecimentos antes de iniciado o transporte de mercadorias.”

3 Opiniões

  1. Antônio Geraldo

    Concordo tanto com Carlos Freire,quanto com Cláudio Murilo ,parabéns aos colegas de Gurupi,que na verdade significa parabéns ao fisco ,por realizar com esmero e dignidade seu labor,e assim trazendo a satisfação a todos nós em ver que com isso gera meios econômicos ao estado,para suas pertinências.

  2. Carlos Freire

    A esta equipe forte da regional de Gurupi , sob o Comando de Marcos Maciel e vizinha da regional de Alvorada, os nossos Parabéns!!!!

  3. Claudio murilo

    Parabéns aos colegas que participaram dessa ação fiscal e isso demonstra a importância do fisco em todas as áreas, auditoria, mercadorias em trânsito em postos fiscais e comandos volantes e salve nossa regional Gurupi/Alvorada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>